Você está aqui: Página Inicial > Notícias > ‘Saber Fazer’ revela talento de artesãos de diversos estados

Geral

‘Saber Fazer’ revela talento de artesãos de diversos estados

publicado: 15/12/2014 11h38 última modificação: 15/12/2014 11h38

São Paulo, 14/12/2014 - O espaço Saber Fazer é o grande destaque da primeira edição da feira “Mãos do Brasil Salão do Artesanato” que está acontecendo no Centro de Convenções Anhembi, em São Paulo. Diariamente, mestres artesãos de diversos estados tem a oportunidade de mostrar sua arte ao vivo.

Segundo a coordenadora do Programa do Artesanato Brasileiro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE), Ana Beatriz Ellery, a ideia surgiu nos moldes do que já é feito em outras feiras pelo País. “Criar um espaço diferenciado, onde o artesão possa mostrar o que faz e ensinar técnicas aos visitantes, ajuda na comercialização e fortalece o artesanato brasileiro, que são os principais objetivos da Secretaria”, define. 

O artesão Evandro, de Porto Velho, Rondônia, é um desses exemplos do ‘quem sabe, faz ao vivo’. Com trabalhos espalhados em vários estados do Brasil, e também no exterior, o artesão confecciona placas em madeira. “Minha especialidade é relatar o ambiente amazônico no qual fui criado”. Segundo o artesão, sua atividade é baseada no artesanato sustentável, onde a peça é esculpida em troncos que não serão mais utilizados.

Também na região Norte do País Silvio Romão confecciona cestarias indígenas com fibra de arumã. Indígena da etnia Tukano, do alto do Rio Negro, em São Gabriel da Cachoeira (AM), Silvio demora cerca de uma hora para trançar vasos, tipitis, utensílios, etc. “Aprendi por obrigação, pois na minha cultura, se o homem não souber fazer, não casa”.

O ‘Mãos do Brasil’ tem entrada franca e vai até o domingo, 20.

Serviço:
Mãos do Brasil
Centro de Convenções Anhembi – Av. Olavo Fontoura, 1209, Santana, São Paulo – SP.
De 12 a 20 de dezembro de 2014.
De segunda a quinta de 14 às 22h e de sexta a domingo de 11 às 22h.
Entrada gratuita.
Serão disponibilizados ônibus, a cada 20 minutos, saindo da Estação Tietê do metrô.

Por Thaís Victer.