Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Artesão do DF expõe buquês de noivas com flores secas no Salão Mãos do Artesanato

Geral

Artesão do DF expõe buquês de noivas com flores secas no Salão Mãos do Artesanato

Além das flores secas, peças tradicionais do artesanato do Distrito Federal, o artesão Élcio Pereira também é especialista em buquês para noivas que querem fugir do tradicional

por Luciene Cruz publicado: 19/12/2014 10h06 última modificação: 19/12/2014 10h09
Crédito da foto: Emmanuelle Freitas/SMPE.

Crédito da foto: Emmanuelle Freitas/SMPE.

São Paulo, 18/12/14 - Em busca de diferencial, muitas noivas optam por fazer a decoração de maneira artesanal. Enfeites de mesa, vasos de flores, porta guardanapos e até os buquês ganharam nova roupagem. O artesão do Distrito Federal, Elcio Pereira, que faz flores do cerrado manuais há mais de 40 anos, notou o crescimento do interesse das noivas.

"As noivas têm buscado peças mais exclusivas, que fujam do tradicional, das decorações de sempre", observou. Por esse motivo, as encomendas estão cada vez mais frequentes. "Já fiz de tudo, desde a decoração da igreja até os salões de festas. São pequenos detalhes que trazem identidade ao casamento", completou.

A dona de casa Sandra Rios, se encantou pelo trabalho do artesão, tirou fotos e mandou logo para filha que está noiva. "Ela quer um buquê diferente, nada daqueles que toda noiva usa. Esse modelo é bonito e elegante ao mesmo tempo, acho que ela vai aprovar", disse ao levar uma peça para a filha conferir o trabalho de perto.

As flores artificiais são feitas de folhas naturais desidratadas. A matéria prima é fervida em soda cáustica por duas horas,  e em seguida colocada de molho no cloro pelo mesmo tempo. Após três lavagens, e algumas horas para secar, está pronta para virar flores e arranjos. As flores podem ser feitas em qualquer cor. Cada processo faz centenas de folhas de uma vez.

O domínio da técnica, feita há décadas, faz com que apenas dois minutos sejam suficientes para montar uma flor. Por isso, as encomendas não precisam ser feitas com tanta antecedência. "Consigo fazer cinquenta flores no mesmo dia", comentou Élcio.

Cada flor custa R$ 5 reais a unidade e os buquês a partir de R$ 60 reais.

Quem quiser conhecer de perto esse trabalho, e conferir mais do artesanato brasileiro de 23 estados brasileiros e do Distrito Federal, pode ir ao Salão de Artesanato Mãos do Brasil, que acontece até o próximo sábado dia 20, no Centro de Convenções Anhembi, avenida Olavo Fontoura, 1209. 

A entrada é franca. Na sexta e sábado, a feira começa às 11h e termina às 22h.

Serão disponibilizados ônibus, a cada 20 minutos, saindo da Estação Tietê do metrô.

Por Luciene Cruz.