Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Ministro apresenta Bem Mais Simples Brasil para governadores em Goiânia

Geral

Ministro apresenta Bem Mais Simples Brasil para governadores em Goiânia

Evento reuniu governadores de São Paulo, Paraná, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e marcou o lançamento do Sistema Nacional de Baixa Integrada de Empresas no estado

por Luciene Cruz publicado: 06/03/2015 16h04 última modificação: 06/03/2015 16h04
Crédito da foto: Rodrigo Cabral.

Crédito da foto: Rodrigo Cabral.

06/03/2015 – O ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE), Guilherme Afif Domingos e o governador Marconi Perillo, lançaram ontem (05), em Goiás, o Programa Bem Mais Simples Brasil e o Registro e Licenciamento de Empresas (RLE), durante cerimônia no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia. O evento contou ainda com a presença dos governadores de São Paulo, Geraldo Alckmin; do Paraná, Beto Richa; do Mato Grosso, Pedro Taques e do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja.

A iniciativa tem como objetivo promover a baixa simplificada para fechamento e legalização de empresas e negócios. O evento dá continuidade ao lançamento anunciado na semana passada pela presidenta da República, Dilma Rousseff, e pelo ministro Guilherme Afif.

 “Nós temos que nos unir em torno de determinados pontos que são óbvios. O aperfeiçoamento vitorioso da simplificação é conhecido por todos e foi construído a muitas mãos. Queremos unificar a informação para não exigir do cidadão dados que o estado já tem. Nós estamos unificando todas as regras para criar um modelo e levá-lo para cada estado. Nós teremos abertura de empresas num prazo máximo de cinco dias ainda este ano”, comentou.

A ideia do Bem Mais Simples adotado pela Junta Comercial do Estado de Goiás ( Juceg) é reduzir a papelada exigida para abrir um negócio, unifica os cadastros, agrupar serviços públicos para os empreendedores em um único lugar e põe fim às exigências que se tornaram dispensáveis com o uso de novas tecnologias, como a Internet. Em junho, a expectativa é reduzir o tempo de abertura de empresa dos atuais 83 para cinco dias.

O ministro destacou ainda a necessidade de desburocratizar os serviços à população: “O Bem Mais Simples é um marco na prestação de serviços com eficiência e qualidade. Nosso país precisa pensar Simples, precisamos de simplicidade”.

Perillo destacou os avanços do estado para facilitar a trajetórias dos empreendedores locais. “Nós procuramos iniciativas criativas como o vapt-vupt empresarial e o drive-thru para empresas na Junta Comercial de Goiás. Já caminhamos de mãos dadas para a simplificação dos empresários e agora daremos mais um passo significativo a esse processo de celeridade”, disse.

Participaram do evento os deputados federais, Alexandre Baldy (PSDB/GO) e Thiago Peixoto (PMDB/GO); e deputados estaduais Virmondes Cruvinel, Lucas Calis, Jean Carlo, Lisauer Vieira, o secretário do Meio Ambiente, Infraestrutura, cidades e assuntos metropolitanos, Vilmar Rocha; o diretor superintendente do Sebrae-GO, Igor Montenegro; o presidente do Conselho Regional de Contabilidade, Eliane Cipriano da Silva; o presidente da Fecomércio, José Evaristo; o presidente da Federação Micro e Pequena Empresa, Hélio Rodrigues; o presidente da Associação Comercial, Industrial e Serviços do Estado de Goiás, Helenir Queiroz; o presidente do Movimento Goiás Competitivo, Pedro Bittar; o secretário interino de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Maronezi; presidente da Fieg, Pedro Alves e o presidente da Junta Comercial do Estado de Goiás, Alexandre Caixeta. 

Por Luciene Cruz.