Você está aqui: Página Inicial > Notícias > SMPE promove oficinas na ‘7ª Semana do MEI’

Geral

SMPE promove oficinas na ‘7ª Semana do MEI’

SEI Vender e SEI Controlar Meu Dinheiro foram os temas tratados nas duas oficinas oferecidas na Junta Comercial do DF, durante a semana do MEI

publicado: 16/04/2015 18h48 última modificação: 24/04/2015 16h51
Créditos da foto: ASCOM/SMPE.

Créditos da foto: ASCOM/SMPE.

Brasília, 16/04/2015 - A Secretaria da Micro e Pequena Empresa (SMPE), em parceria com o Sebrae, promoveu nesta terça e quarta-feira, 14 e 15/04, as oficinas SEI Vender e SEI Controlar meu Dinheiro, no auditório da Junta Comercial do Distrito Federal (JCDF). Os eventos fizeram parte da programação da ‘7ª Semana do Microempreendedor Individual (MEI)’, que acontece até o dia 17/4 em diversas capitais brasileiras e em algumas cidades do interior do País. O SEI (Sebrae Microempreendedor Individual) é um programa voltado para gestão e fortalecimento dos negócios para MEIs brasileiros.

Segundo a diretora da Junta Comercial do DF, Anne Caroline Nascimento, a parceria na realização da Semana do MEI foi retomada desde o sucesso da edição de 2013. “Retomamos a parceria, pois a melhoria da gestão das empresas interessa diretamente às Juntas Comerciais. Vamos sempre incentivar e apoiar a capacitação e a formalização de empreendedores”, disse. Durante o encontro, Anne garantiu que outras novidades estão sendo preparadas para aqueles que querem melhorar os resultados de seus negócios.

Para o consultor do Sebrae Luciano Discacciati, responsável pela oficina SEI Vender, os cursos são uma excelente oportunidade de capacitação para empreendedores e potenciais empreendedores, além de ser um ótimo momento para que os participantes troquem experiências e façam networking, como foi o caso da empresária Janaina Pimentel. “Acho enriquecedor participar destes encontros, pois adquiro novos conhecimentos e ainda troco figurinhas”, justificou a participante.

Na oficina “SEI Controlar meu Dinheiro”, realizada na tarde de quarta-feira (15), o consultor do Sebrae Carlos Fernando Dayroll Lages, explicou a importância da educação financeira. “O controle dO dinheiro é um problema cultural no Brasil. Estudamos para ser empregados das grandes empresas, mas o empreendedorismo é uma opção que está cada dia mais presente na vida do brasileiro. A oficina tem o objetivo de mudar essa realidade, de ensinar aos microempreendedores como crescer financeiramente e controlar seu dinheiro de caixa”, disse.

A microempreendedora Josefa Angelo destacou a importância do controle financeiro. “Nós não temos muita noção do dinheiro que entra e do que sai. Achamos que todo dinheiro que entra pode ser gasto, mas depois percebemos que faz falta. Aprender a controlar o dinheiro do caixa é muito importante, pois o comércio não é bom todos os dias”, afirmou.

Capacitação – A SMPE vai lançar para o segundo semestre de 2015 um calendário de palestras e oficinas para micro e pequenas empresas e microempreendedores individuais, em parceria com o Sebrae. De acordo com o secretário-executivo da Secretaria, José Constantino de Bastos Jr., a expectativa é oferecer palestras gratuitas, que serão realizadas durante os meses de agosto a dezembro, no escritório da Junta, em Brasília.

De acordo com a analista de atendimento do Sebrae Hélia Castro, a JCDF vai oferecer uma sala de capacitação para a realização dos cursos. “Teremos condição de oferecer treinamento aos que buscam excelência de seus negócios”, enfatizou.

Por Thaís Victer e Fernanda Madeira.